5 startups que provam que a vida de DJ não é fácil
Tecnologia

5 startups que provam que a vida de DJ não é fácil

0

Publicidade

Ser DJ, apesar do que costuma-se pensar, não é só escolher uma música para tocar e dar play. Exige estudo, avaliação de tendências e vem, é lógico, também do talento natural. Separamos cinco empresas cujo foco do trabalho têm sido facilitar a vida de quem atua com discotecagem, porque, vamos combinar, uma ajudinha é sempre bem-vinda.

LEIA MAIS: Usuário do Mixcloud garimpa a história da música eletrônica

VIDA DE DJ: Para além de 'Luther', o lado músico de Idris Elba

ABOSS

Criada em 2014 por Arvid Silos e Thomas van Beek, a startup Artist Back Office System (ABOSS) desenvolve um software que torna mais fácil a vida de artistas, produtores e agenciadores na hora de promoverem colaborações entre si. A ideia de seus fundadores é que os artistas, ao utilizarem as funcionalidades da plataforma, se prendam menos a questões de caráter administrativo e foquem em apenas produzir música. Com uma plataforma online e aplicativo, a empresa baseada em Amsterdã já conta com mais de 15 mil usuários. 

AMUSE

Amuse foi fundada por seis experts na indústria da música, entre eles Will.i.am, em 2015. É uma nova espécie de gravadora que se propõe a distribuir músicas de graça dando a chance de artistas serem descobertos. A funcionalidade é simples: o artista coloca seu trabalho na plataforma e ela entrega as faixas para os serviços de streaming, como Spotify ou Apple Music. Depois disso, a Amuse analisa quais músicas estão ganhando visibilidade e oferecem acordos para os artistas. A divisão de lucros é de meio a meio entre a empresa e o artista. 

KOLLEKT.FM

O projeto "Atmosphere", da Kollekt.fm, une mentes brilhantes na escolha de músicas a lojas e restaurantes que queiram melhorar a experiência musical em seus ambientes. A plataforma reúne experts em música — DJs, artistas ou fãs em geral — e as usa como "curadores" para produzir playlists para seus clientes mensalmente. É uma oportunidade de artistas colocarem suas músicas para circular.

SEEQNC

Fundada este ano, a startup Seeqnc usa softwares que dão a produtores, gravadoras e artistas a possibilidade de rastrear sua música e impulsioná-la. Você pode ver quem está tocando sua música e se conectar com eles. O aplicativo do Seeqnc envia notificações toda vez que uma faixa é tocada ao redor do mundo. 

REMEDY STATE

Remedy State é a startup que monitora o lado sombrio da música e ajuda os músicos a manter a saúde mental. Artistas costumam passar noites em claro e, vez ou outra, se enchem de doses profundas de sofrimento por conta de processos criativos. A Remedy State chega para oferecer a eses artistas possibilidades saudáveis de levar a vida, com aulas de yoga, passeios a céu aberto e cardápios saudáveis. O primeiro retiro organizado pela empresa aconteceu em Ibiza em Maio. 

Publicidade

Tags relacionadas:
TecnologiaAplicativoDJ
Background

Relacionados

Canais Especiais