Museu Nacional abrigava elementos raros da música índigena brasileira
Inspiração

Museu Nacional abrigava elementos raros da música índigena brasileira

Ainda não é possível dizer ao certo tudo o que foi perdido no incêndio no Museu Nacional do Rio de Janeiro, na noite do último domingo (02). Porém, afirmar que o que aconteceu foi uma tragédia para a cultura nacional não é exagero algum. Entre os mais de 20 milhões de itens do acervo, estavam também artigos simbólicos para a história musical do país e arquivos sonoros que diziam muito sobre nossas raízes e o nosso passado.

Na coleção de instrumentos musicais do Museu Nacional, estavam objetos usados em celebrações religiosas nas aldeias brasileiras e também em momentos de divertimento nas comunidades indígenas. Instrumentos de sopro – como flautas, trombeta e apitos – e instrumentos de percussão, como tambores e chocalhos eram destaque no acervo. A maioria desses artigos foi confeccionada com materiais naturais, como barro, madeira, sementes e cascos de animais.

Registro de um trocano, instrumento usado por povos indígenas / Reprodução
Registro de um trocano, instrumento usado por povos indígenas / Reprodução

O tambor trocano era um deles. A peça havia sido trazida para o Rio de Janeiro pela Comissão Rondon, como ficaram conhecidas as expedições militares lideradas pelo Marechal Rondon ao centro-oeste e norte do país. Segundo o site do Museu Nacional, o artefato é usado pelo povo Tukano e feito com tronco de árvore escavado para ser tocado em celebrações espirituais e também no dia a dia da aldeia.

Como parte do acervo adquirido pela Comissão também estavam gravações raras feitas com o povo Paresi e Nambikuara com o uso de um fonógrafo pelo médico e antropólogo Edgar Roquette Pinto ainda na década de 1910. Os cilindros, gravados com um fonógrafo, inspiraram o maestro Villa-Lobos a compor. Daqueles fonogramas, saíram músicas como “Nozani-ná”, de 1919.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest