'All You Need Is Love': jovem encontra vítimas de suas mensagens de ódio em vídeo emocionante
Inspiração

'All You Need Is Love': jovem encontra vítimas de suas mensagens de ódio em vídeo emocionante

Dizer que "o amor sempre vence” pode parecer frase motivacional clichê, mas um vídeo publicitário do refrigerante Sprite ajuda a mostrar que, no fim, ela é verdade mesmo. Um jovem que usava o Twitter como arma para xingar outras pessoas foi surpreendido ao encontrar 100 delas em um galpão. Em vez de pagarem o ódio com o ódio, os homens e mulheres afetados por ele pela rede social o abraçaram e cantaram "All You Need Is Love", clássico dos Beatles.

"Nós nunca havíamos nos conhecido e eu sequer sabia como ele era", disse um dos insultados, cuja camisa dizia "rato imundo, escória da vida" - em alusão ao primeiro contato nada amistoso que teve com . O encontro presencial foi promovido pela marca de refrigerante.

Rapaz usava rede social para xingar usuários / Foto: Reprodução
Rapaz usava rede social para xingar usuários / Foto: Reprodução

As imagens mostram o jovem — identificado como Branimir Fazzari (no Twitter, ele usa o codinome AguanteElCofler) — parado, na frente das pessoas que ele ofendeu. Quando ele percebe que elas vestem camisas com dizeres escritos em sua conta no Twitter, o jovem chega a respirar profundamente. Com os olhos fitando o chão, ele permanece imóvel até que todas as pessoas começam a se aproximar. Juntas, elas formam um círculo ao redor dele e, então, começam a cantar a clássica canção dos Beatles antes de, um a um, abraçarem o rapaz.

"Quando eles vieram em minha direção e me abraçaram... Eu não vou esquecer nunca", disse o jovem.A música une.

Para produzir o vídeo, a Sprite se juntou a duas agências argentinas e desenvolveu uma ferramenta de inteligência artificial que conseguiu analisar o conteúdo do Twitter por assunto. O algoritmo sabia distinguir ainda entre mensagens agressivas e não agressivas. A partir daí, a tecnologia identificou quais desses haters estavam dentro da comunidade da marca e escolheu o mais violento deles. Branimir havia atacado 565 pessoas em mais de mil tuítes ao longo do último ano.

Assista:

Tags relacionadas:
InspiraçãoAmorVídeo

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest