As melhores cenas de música do cinema
Entretenimento

As melhores cenas de música do cinema

Por Larissa Barros

Tudo bem que tem gente que não gosta de longas musicais, mas todos os fãs de boa música piram quando estão assistindo a algum filme e começa aquela cena musical incrível. Sabe aquelas em que a música é mais importante até que o próprio protagonista, ou mesmo se une a ele de forma tão pura, que fica registrada na nossa memória para sempre?

E a gente não está falando da trilha sonora ou melodia criada especialmente para alguma cena específica, não. Estamos falando sobre faixas que já existem e muitas vezes ficaram famosas só por causa dos filmes em que apareceram. Há até casos em que as cenas são tão marcantes, que o longa é lembrado por aquele momento em específico. Por isso, fizemos uma seleção dessas sequências icônicas pra você entrar na estrada da nostalgia e cantar junto.

‘Antes do Amanhecer’, de Richard Linklater (1995)

Filme inicial da elogiada trilogia de Richard Linklater, esse filme é o xodó dos amantes de um bom romance, e nada melhor que Ethan Hawke e Julie Delpy protagonizando essa cena perfeita com “Come Here”, de Kath Bloom como fundo musical.

‘50 Tons de Cinza’, de Sam Taylor-Johnson (2015)

Também parte de uma trilogia, o longa de Sam Taylor-Johnson, que mostra o milionário Christian Grey (Jamie Dornan) se envolvendo com a inocente Anastasia Steele (Dakota Johnson) tem algumas cenas bem românticas e"Love Me Like You Do”, da cantora britânica Ellie Goulding, embalar os momentos do casal.

‘Kill Bill: Volume 1’, de Quentin Tarantino (2003)

O clássico de Tarantino não poderia ficar de fora dessa lista. Ao vermos Elle Driver (Daryl Hannah) indo na direção do quarto de hospital da protagonista, o assobio de "Twisted Nerve", de Bernard Herrmann, deixa tudo ainda mais tenso.

‘X-Men: Apocalipse’, de Bryan Singer (2016)

Quem não pirou na cena em que Mercúrio (Evan Peters) salva (quase) todo mundo da explosão na Mansão X ao som de "Sweet Dreams (Are Made of This)", dos Eurythmics? Tem gente que diz que essa é a melhor cena de toda a saga "X-Men".

‘Crepúsculo’, de Catherine Hardwicke (2008)

O filme foi um blockbuster, mas passou longe de agradar a crítica e os cinéfilos. Mas a cena em que os personagens jogam beisebol ao som de "Supermassive Black Hole", do Muse, é bem criativa.

‘Os Fantasmas Se Divertem’, de Tim Burton (1988)

Beetlejuice, Beetlejuice, Beetlejuice! A melhor cena do longa de Tim Burton (que é apaixonado por música como todos nós) é, com toda certeza, a da dancinha na hora do jantar embalada por “Day-O (Banana Boat Song)’, de Harry Belafonte. Simplesmente incrível e atemporal.

‘Lisbela e o Prisioneiro’, de Guel Arraes (2003)

O clássico nacional tem uma cena bem marcante e a música que embala a despedida dos personagens é um dos maiores tesouros da MPB: "Você Não Me Ensinou a Te Esquecer", de Caetano Veloso.

‘Curtindo a Vida Adoidado’, de John Hughes

Quem não ama a cena em que Ferris Bueller (Matthew Broderick) faz uma parada inteira dançar ao som de “Twist and Shout”, dos Beatles? Além de ícone, é responsável por um dos episódios mais marcantes da história do cinema.

‘De Repente 30’, de Gary Winick (2004)

É claro que as músicas do Rei do Pop não precisam ser lembradas por filmes, mas uma cena que ficou na memória foi quando Jenna (Jennifer Garner) botou todo mundo pra fazer uma das coreos mais icônicas do mundo da música ao som de “Thriller”.

‘Dirty Dancing: Ritmo Quente’, de Emile Ardolino (1987)

Quem não se apaixonou assistindo a clássica cena do filme "Dirty Dancing" em que ninguém deixa a Baby de lado ao som de ‘Time Of My Life’, de Bill Medley e Jennifer Warnes? O famoso pulinho deixa tudo ainda mais marcante e até hoje é reproduzida por vários fãs (o filme “Amor à Toda Prova” até recriou a sequência com Ryan Gosling e Emma Stone em 2011).

‘Ghost: Do Outro Lado da Vida’, de Jerry Zucker (1990)

Difícil se lembrar de "Ghost" e não cantarolar “Unchained Melody”, dos Righteous Brothers, famosa graças à cena super romântica entre Molly (Demi Moore) e Sam (Patrick Swayze) e uma máquina de argila.

‘Flashdance’, de Adryan Line (1983)

Outro clássico de dança em que ninguém consegue ficar parado ao ouvir "What A Feeling", de Irene Cara, e puxar um balde d’água imaginário.

‘10 Coisas que Eu Odeio Em Você’, de Gil Jung (1999)

Mais um romance e dessa vez quem protagoniza um momento super meigo é Heath Ledger, Julia Styles e o combo infalível microfone + arquibancada + banda da escola com “Can’t Take My Eyes Of Off You”, de Frankie Valli e seus Four Seasons.

‘Pulp Fiction’, de Quentin Tarantino (1994)

A bem da verdade, dava para fazer uma lista só com cenas musicais icônicas dos filmes de Tarantino, outro aficcionado por música. Nesse outro clássico, Uma Thurman e John Travolta dançam "You Never Can Tell", de Chuck Berry, naquela que virou A CENA. Isso aí, essa deve ser a melhor das melhores, porque os fãs e muita gente considera uma das mais icônicas da história do cinema.

‘Eurotrip: Passaporte para a Confusão’, de Jeff Schaffer (2004)

A adolescência ou pré-adolescência de muita gente foi marcada por esse filme. E quem não lembra de uma das cenas mais engraçadas da produção? Foi aquela em que toca "Scotty Doesn't Know", de Lustra.


Canais de Marcas

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest