Banda da Somália 'fossilizada' nos anos 80 e reformada encanta plateias londrinas
Inspiração

Banda da Somália 'fossilizada' nos anos 80 e reformada encanta plateias londrinas

Criada na Somália nos anos 1980, a Dur-Dur Band manteve-se desconhecida no resto do mundo por décadas. Seu funk com influências locais foi revelado quando um pesquisador musical americano encontrou, em 2007, uma fita cassete em meio a escombros da guerra civil do país africano. Ele tratou de publicar as músicas pelos selos on line Awesome Tapes From Africa e Analog Africa, o que teve uma boa repercussão na época.

A Dur-Dur Band originalmente se chamava Muqdsho Funk, Disco, Soul Band e prosperou numa década em a capital da Somália, Mogadíscio, abrigava night clubs e multidões àvidas por ouvir e dançar Michael Jackson, Santana e Bob Marley (três das inspirações musicais dos integrantes da Dur-Dur). Mesmo depois que a guerra civil desintegrou politicamente a Somália, a partir de 1991, a banda ainda tentou seguir carreira na Etiópia. Os músicos, porém, se espalharam pelo mundo, como refugiados e exilados.

Fundada pelos músicos Abdillahi Ujeery e Mohammed Karama em 2011, uma nova versão da banda ganhou impulso a partir do relançamento de seu trabalho de 1987 em 2013, com críticas excelentes. Em 16 junho, a Dur-Dur - "primavera", em somali - Band se apresentou no renomado Jazz Cafe de Londres. Para uma casa lotada, de acordo com relato do jornal "The Guardian", empolgou com sets energéticos tais como costumava fazer em temporadas no Juba, famoso hotel de Mogadishu, capital da Somália.

A Dur-Dur Band fez show no London’s Jazz Cafe
A Dur-Dur Band fez show no London’s Jazz Cafe

Determinados a resgatar o tempo perdido, os músicos tocaram o repertório de seus cinco álbuns e mostraram um som eletrizante, reforçado pela vocalista convidada Fadumiina Hilowle.

Além da banda somali, o Awesome Tapes From Africa e o Analog Africa têm em seu catálogo músicos de países como Etiópia, caso da banda Hailu Mergia, e Gana, da dançante Ata Kak. A intenção dos selos é valorizar artistas que não encontram chance de divulgar o trabalho em seus países.


Canais de Marcas

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest