Canções dos Beatles viram capas de livros e revistas de outras décadas
Criatividade

Canções dos Beatles viram capas de livros e revistas de outras décadas

Os Beatles são a banda de rock mais conhecida da história. Ninguém discorda disso, mas quem saberia mensurar o tamanho de sua influência passados quase 60 anos desde a formação em Liverpool?

John, Paul, George e Ringo seguem inspirando gerações, e sua obra é alvo de tributos mesmo fora do mundo da música. Algumas de suas canções foram recentemente transformadas em capas de livros e revistas vintage. O autor dos trabalhos é Todd Alcott, roteirista e, como ele próprio gosta de dizer, um artista gráfico brincalhão.

Muito mais do que usar apenas os títulos das músicas e ilustrações, Alcott consegue provar como as letras são atemporais mesmo quando situadas na época em que foram lançadas.

"A Day in the Life" virou uma capa de 1967 do jornal "National Enquirer". A ilustração traz como manchete o verso "He blew his mind out in a car/He didn't notice that the lights had changed", ao lado da foto de Tory Browne, amigo de John Lennon que morreu em um acidente de carro e inspirou a faixa de "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band".

'A Day in the Life'
'A Day in the Life'

"Drive My Car" foi reinterpretada como um anúncio de um Chevrolet Corvair 1966. O possante tem suas qualidades destacadas por uma modelo em trajes sumários e pelos versos da música, reproduzidos na ilustração.

'Drive My Car'
'Drive My Car'

A estética anos 1970 dos livros do escritor de ficção científica Erich von Daniken, em especial "Eram Os Deuses Astronautas?", foi relembrada na capa criada para "Lucy In The Sky With Diamonds".

'Lucy in the Sky of Diamonds'
'Lucy in the Sky of Diamonds'

As histórias de ficção científica também foram inspiração para Alcott criar a ilustração de "Tomorrow Never Knows". O desenho e até desgastes propositais da capa recriam com perfeição o visual de um inebriante romance dos anos 1960.

'Tomorrow Never Knows'
'Tomorrow Never Knows'

O ilustrador foi realmente perspicaz para situar graficamente as canções. Ele percebeu, por exemplo, que a separação dos Beatles coincidiu com o surgimento dos livros de auto-ajuda. E aproveitou a estética daquela época para o gênero para criar a capa de "Hello Goodbye".

'Hello Goodbye'
'Hello Goodbye'

Outras canções dos Beatles reinterpretadas por Alcott foram "Rocky Raccoon", vista como um romance barato do final do século XIX, e "Revolution", que virou capa de um livro soviético. Ele também fez ilustrações retrô inspiradas em canções de David Bowie, Bob Dylan e Radiohead. Todo esse material pode ser visto e comprado em diferentes formatos no site Etsy.com


Canais de Marcas

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest