Como uma fã de 15 anos fez o Weezer voltar ao topo das paradas de sucesso
Especial

Como uma fã de 15 anos fez o Weezer voltar ao topo das paradas de sucesso

Sucesso nos anos 1990, quando ganhou o mundo com o adorável clipe de "Buddy Holly", o Weezer andava sumido do grande público, ficando restrito a um séquito de fãs que acompanha a banda até por cruzeiros musicais Oceano Atlântico afora. Até que, um belo dia, uma garota de apenas 15 anos do estado americano de Ohio botou Rivers Cuomo e companhia de volta sob os holofotes. Graças a uma campanha iniciada por Mary Klym, o Weezer regravou o hit cafona-oitentista "Africa", do Toto, e voltou ao topo das paradas de sucesso após dez anos.

Tudo começou em dezembro do ano passado, quando Mary, por pura pilha, começou a twittar sobre seu desejo de ver sua banda favorita tocar a canção de 1982 do grupo de Steve Lukather e Jeff Porcaro, que recentemente voltou a ser cultuada na internet. Mary, nascida 21 anos depois do lançamento “Africa”, conheceu o hit por causa da série "Stranger Things".

Foram meses de trocas virtuais, em que Mary chegou a conversar com membros do Weezer pelo Twitter ("Eu ri", brincou o baterista Patrick Wilson, aquele que é sequestrado pela Piggy, dos Muppets, no clipe de "Keep Fishin'"). Até que, em maio, o Weezer lançou, sim, uma versão de Toto. Só que a música escolhida pelos garotos da Califórnia foi "Rosanna", e não "Africa".

Depois de meses trollando o Weezer, eles me trollaram de volta

"Depois de meses trollando o Weezer, eles me trollaram de volta", brincou ela. A versão ficou ótima, mas não era exatamente o que ela queria — embora fosse um sonho ser percebida pelos ídolos a ponto de eles se enfurnarem no estúdio só por conta de uma brincadeira sua. Na semana seguinte, veio a maior surpresa. Com um tweet de Mary estampando a capa do single, o Weezer finalmente lançou sua versão de "Africa".

E isso levou a banda ao topo das paradas da "Billboard" pela primeira vez em dez anos — assim, “Africa” estava de volta ao número 1 mais de 35 anos depois do estrondoso sucesso que fez em seu lançamento. O burburinho foi tanto que o Weezer lançou o single de "Africa" em vinil, em edição limitada. Antes mesmo de chegar às lojas, as 1,5 mil cópias prensadas já estavam esgotadas.

Instagram URL not provided

"Mary, obrigada por misturar essa coisa louca de Weezer e Toto", agradeceu Steve Lukather, lendário guitarrista da banda, em vídeo com Ringo Starr, dos Beatles, fazendo gracinhas ao fundo. "Isso é insano!", reagiu a loirinha tímida de aparelho nos dentes, que toca guitarra e baixo.

Graças a toda a campanha, Mary teve a oportunidade de conhecer Rivers Cuomo e os outros integrantes do Weezer durante a turnê do disco "Pacific Daydream", em que eles têm tocado "Africa" e "Rosanna". E a coisa não parou por aí. No último dia 10 de agosto, o Toto lançou uma versão totalmente oitentista de "Hash Pipe", um dos hits do Weezer.

Tags relacionadas:
EspecialHistória de fãRock

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest