Day 6: problemas de saúde mental entre integrantes são tratados com compreensão e mais 'transparência'
Entretenimento

Day 6: problemas de saúde mental entre integrantes são tratados com compreensão e mais 'transparência'

Depressão e distúrbios de ansiedade são comuns em todos os setores de atividade humana. Depois da morte da jovem cantora Sulli, em outubro de 2019, e de episódios como o do cantor Kang Daniel, que em dezembro cancelou atividades em função de um diagnóstico de depressão e risco de síndrome do pânico, o universo do k-pop tem se mostrado mais cauteloso em relação a seus ídolos. O grupo Day 6, que em 10 de maio suspendeu as promoções do novo trabalho "The Book of Us: The Demon", por conta de sintomas de alta ansiedade em alguns integrantes (que realizaram exames, segundo comunicado da produtora JYP Entertainment), tem recebido solidariedade e compreensão.

Isso ficou claro numa troca de mensagens publicada no Twitter e Instagram pelo integrante Jae. Foi ele mesmo quem postou nesta quarta-feira (20/5) a imagem de uma conversa que teve com Park Jin Young, fundador da JYP, em suas contas nas redes sociais. Park inicia elogiando o cantor pelo sucesso de "Zombie", faixa de "The Book of Us: The Demon", lançado em 11 de maio. “Muito obrigado! Peço desculpas pelos problemas que causei nesse retorno. Vou melhorar o mais rápido possível e voltar em breve! Sempre agradeci por sua orientação e demonstração de como os artistas devem ser”, respondeu Jae.

"Vai com calma, Jae. O objetivo de nossas vidas não é ser feliz? Eu tive que lutar para encontrar o que é felicidade. Então, prefiro que você passe por esses momentos e encontre uma resposta verdadeira para sua vida, em vez de apenas perseguir algo que você nem conhece", orientou o produtor Park Jin Young.

Jae
Jae

No diálogo Park diz para Jae não se preocupar e que a saúde é mais importante que fazer shows. Por ali percebe-se que a relação entre eles é diferente do que se geralmente vê entre empresário e artista. Talvez porque Park tenha começado sua carreira como cantor em 1994 (ele também é ator). Três anos depois ele fundou a JYP Entertainment e tornou-se um dos mais influentes produtores musicais do país; foi inclusive o primeiro asiático a ter sucesso para os EUA, em 2004, produzindo para Will Smith e Mase.

O comunicado original da JYP divulgado em 10 de maionão deixou claro quais dos integrantes estariam doentes. "Pedimos sua compreensão ao suspender de repente as promoções antes do lançamento do novo álbum. Como agência, prometemos fazer o possível para colocar a saúde dos membros em primeiro lugar e focar na melhoria de sua condição. Iremos notificá-los sobre os detalhes de seu retorno às promoções quando chegar a hora. Pedimos seu apoio e amor para que o Day 6 possa se recuperar como equipe novamente", informou o texto, sem citar os nomes de Jae, Sungjin, Young K, Wonpil ou Dowoon. Mas Jae já havia agradecido aos fãs em post de 16 de maio, deixando claro que ele era um dos membros envolvidos.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest