De cervejeiro a piloto: os músicos famosos que se aventuraram em outras profissões
Especial

De cervejeiro a piloto: os músicos famosos que se aventuraram em outras profissões

Publicidade

Depois que se tornam famosos na indústria da música, artistas costumam aproveitar o sucesso para se envolver em outras áreas. Seja na gastronomia, no esporte ou em atividades em nada relacionadas com a vida que levam nos palcos, eles usam do nome — e do reconhecimento — para se lançar em empreitadas profissionais ousadas. Colocamos alguns desses casos em uma lista curiosa.

METALEIRO E BOMBEIRO: A vida dupla de Tommy Karevik, vocalista do Kamelot

SOPRANO INDIE: A vida dupla de Marina Cyrino, advogada e cantora lírica

Os britânicos do Elbow e suas cervejas

Em 2011, a banda britânica Elbow lançou a sua própria cerveja em uma parceria com a cervejaria Robinson’s. O nome era bem sugestivo: “Build A Rocket Boys!”, em referência ao título do quinto álbum do grupo. Alguns anos depois, em 2014, a banda se associou com outra marca de cervejas, a Marston’s, para lançar “Charge”, uma golden pale ale, com o nome de “The Take Off and Landing of Everything”, nome do sexto álbum deles.  

'Build a Rocket Boys': a primeira cerveja do Elbow / Foto: Reprodução
'Build a Rocket Boys': a primeira cerveja do Elbow / Foto: Reprodução

O sorvete mágico do Blur

Em 2015, o Blur decidiu inovar nas aventuras gastronômicas. Junto com o álbum "The Magic Whip", a banda lançou sua própria linha de sorvete, em uma parceria com a sorveteria The Licktators, de Londres. O doce de baunilha com framboesa foi vendido durante shows selecionados da banda pelo país. 

'The Magic Whip': sorvete do Blur tinha baunilha e framboesa / Foto: Divulgação
'The Magic Whip': sorvete do Blur tinha baunilha e framboesa / Foto: Divulgação

O lado fashionista de Liam Gallagher

Liam Gallagher não é só um dos ex-líderes do Oasis. O irmão de Noel é também um homem de negócios no mundo da moda. Ele conduz sua própria marca, a Pretty Green, que produz roupas para homens e mulheres. Nas lojas, há fotos de Liam espalhadas pelas paredes. 

Bruce Dickinson: entre Boeings e Airbus

Bruce Dickinson tem um outro lado que em nada se parece com a posição que ocupa à frente do Iron Maiden. Além de comandar a banda de heavy metal, Bruce é também piloto de avião. E não pense que ele só se ocupa de modelos menores: em 2008, para a turnê de "Somewhere Back in Time", o cantor comandou o avião em que a banda viajava, um Boeing 757.

Bruce Dickinson, líder do Iron Maiden, costuma pilotar os aviões em que a banda viaja / Foto: Getty Images
Bruce Dickinson, líder do Iron Maiden, costuma pilotar os aviões em que a banda viaja / Foto: Getty Images

James Murphy e o café perfeito

O ex-líder do LCD Soundsystem, James Murphy, é um obsessivo por café que decidiu criar sua própria marca ao tentar encontrar o sabor ideal de um bom espresso. Foi assim que surgiu o "House of Good", em 2014, feito em parceria com a companhia Blue Bottle.

James Murphy usou amor ao café para criar seu próprio espresso
James Murphy usou amor ao café para criar seu próprio espresso

Billy Corgan, o dono do Wrestling

O homem à frente do Smashing Pumpkins gosta de uma luta livre. Em 2011, Billy Corgan fundou sua própria companhia de wrestling profissional, a Resistance Pro Wrestling. Depois, acabou se tornando presidente de outro clube e, em 2017, se tornou dono da National Wrestling Alliance (NWA), considerada uma das maiores ligas independente do esporte no mundo.

Tim Burgess e os cereais de chocolate

Tim Burgess, líder da banda de indie rock Charlatans, se juntou a gigante dos cereais Kelloggs para criar um cereal personalizado chamado Totes Amazeballs.A edição limitada foi vendida durante o Kendal Calling Festival, em 2012. Todo dinheiro das vendas foi revertido para caridade.

Em 2012, Tim Burgess se uniu a Kellogg's para fabricar o cereal 'Totes Amazeball' / Foto: Getty Images
Em 2012, Tim Burgess se uniu a Kellogg's para fabricar o cereal 'Totes Amazeball' / Foto: Getty Images

Gerard Way e as tentativas na televisão

No começo dos anos 2000, Gerard Way se aventurou para co-criar um desenho animado. Junto com o amigo Joe Boyle, tentou emplacar "The Breakfast Monkey", nome do programa, no Cartoon Network, mas o canal não quis. Em 2013, Gerard acabou atuando como diretor em um programa de televisão a cabo chamado "The Aquabats! Super Show!".

Publicidade

Tags relacionadas:
EspecialVida DuplaRockComida

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest