De Ramones a Descendents: grupos de punk e hard rock falam muito bem de amor
Entretenimento

De Ramones a Descendents: grupos de punk e hard rock falam muito bem de amor

Por Carolinne Rigotti

Muita gente acredita que os rocks mais pesados, como o punk, não falam sobre amor. É aí que elas se enganam! Tem um montão de letra bonita para se declarar escondida por trás dos acordes mais fortes de guitarra ou de uma bateria mais chamativa. E nós estamos aqui para provar isso! Que tal dar uma olhada nessa sequência de sonzeira para já usar com aquela pessoa especial que ama um rock? Vamos lá!

Passou por uma desilusão amorosa e tudo que você quer é tirar esse sentimento de dentro de você? Ou está naquele momento super amorzinho, em que tudo o que você mais quer é expor o que sente e se declarar de coração aberto para a pessoa? Ou ainda: os dois se amam, mas não conseguem se dar bem juntos? Bem, essas letras retratam bem cada uma dessas etapas! Dá uma olhada!

‘She Loves Me’, dos Descendents

A banda do mascote Milo é cheia de canções de amor, como “She Loves Me”, que retrata a alegria de um amor correspondido.

Ela me ama não é só na minha cabeça

Ela me ama, mesmo que não tenha dito

E se alguma coisa significa qualquer coisa

Então, isso significa algo bom

‘Baby I Love You!’, dos Ramones

A banda de Joey, Dee Dee, Johnny e vários bateristas rotativos regravou o clássico das Ronettes, de 1963.

Eu alguma vez já te falei

Como é bom te abraçar?

Não é fácil explicar

‘I Remember You’, do Skid Row

A banda de hard rock de Sebastian Bach também teve seus momentos amorzinho.

Eu penso na imagem dos dias passados

Quando o amor ficou cego e você me fazia ver

Eu olharia uma vida inteira em seus olhos

Porque assim eu saberia que você estava lá por mim

Dia após dia, você estava lá por mim

‘Quero Ser Punk Com Você’, do Gritando HC

A banda brasileira de hardcore fundada nos anos 1990 também tem seus momentos amorzinho.

A menina da sala ao lado

tá me deixando apaixonado

Quando a vejo no intervalo

com seu cabelo arrepiado

Porque você se veste assim?

É tão difícil olhar pra mim?

‘The Diary Of Jane’, Breaking Benjamin

O amor sofrido e destrutivo pode não ser dos mais saudáveis, mas aparece nas letras do Breaking Benjamin.

Existe uma linha tênue entre o amor e o ódio

E eu não me importo

Deixe-me apenas dizer que eu gosto disso

Eu gosto disso

‘Os Punks também Amam’, Lixomania

O título dessa faixa do grupo paulistano formado no fim dos anos 1970 diz tudo, né?

Os Punks também amam

É verdade, eu comprovei

Os Punks também amam

É verdade, eu comprovei

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest