Em 1° de dezembro de 1976, os Sex Pistols diziam ‘fuck’ na TV e tornavam-se o inimigo número 1
Especial

Em 1° de dezembro de 1976, os Sex Pistols diziam ‘fuck’ na TV e tornavam-se o inimigo número 1

0

Publicidade

No dia primeiro de dezembro de 1976, toda a Inglaterra que nunca havia ouvido falar em punk rock foi apresentada de forma violenta ao novo movimento cultural inglês. Foi quando os Sex Pistols foram convidados para substituir o Queen no programa "Today", da emissora ITV (Freddie Mercury cancelou a apresentação porque teve de ir ao dentista). Claramente incomodado pela presença da banda, o apresentador Bill Grundy começou a provocar o grupo e, depois de mexer com uma das meninas que os acompanhava (o apresentador pediu para se encontrar com uma delas após o programa), ele começou a receber insultos do guitarrista Steve Jones, que até então estava apenas rindo da cara de Grundy.

ESTILO: Como imagens de punks londrinos mudaram a fotografia de moda 

ESPECIAL: A playlist da vida de Speto, o punk do grafite  

"Seu bastardo sujo...", disse antes de falar a palavra "fuck" pela primeira vez na TV britânica, fazendo o apresentador encerrar a entrevista abruptamente. Foi o suficiente para que os Sex Pistols fossem o principal assunto do dia seguinte na Inglaterra, estampando inclusive capas de jornal, como a clássica manchete do "Daily Mirror" em que se podia ler: "O nojo e a raiva!", frase que foi adotada instantaneamente pelo grupo. Era o primeiro degrau em sua escalada para se tornar o inimigo público número 1 da Inglaterra.

E mais...

1/12/1957: Buddy e Sam

Buddy Holly and the Crickets apareceram no programa "The Ed Sullivan Show", tocando suas músicas "That'll Be The Day" e "Peggy Sue". Na mesma edição, o programa recebeu o cantor soul Sam Cooke, que cantou a música "You Send Me".

1/12/1964: Vai The Who!

O grupo The Who começa a tocar todas as terças-feiras no Marquee Club, em Londres, por 22 semanas consecutivas, quando a banda recebia £ 50 por apresentação. 

1/12/1967: Deus da psicodelia

O trio Jimi Hendrix Experience lança seu segundo disco, seis meses depois de lançar seu álbum de estreia: "Axis: Bold as Love" foi celebrado como um marco da psicodelia já em seu lançamento.

1/12/1973: No topo do mundo!

A dupla Carpenters chega ao topo da parada de singles nos Estados Unidos com a música "Top of the World", que seria o segundo single do grupo a chegar a esta posição. 

1/12/1983: Processado por mudar

O guitarrista canadense Neil Young é processado pela gravadora Geffen por não soar como no álbum anterior. O disco lançado era "Everybody's Rockin'", uma coleção de versões para clássicos do rockabilly (incluindo algumas canções próprias) que durava apenas 25 minutos.

1/12/1989: Culpado!

O soulman Sly Stone é condenado a 55 dias na cadeia ao assumir que estava dirigindo após utilizar cocaína.

1/12/1997: 45 minutos de uma só nota

O saxofonista Kenny G bate o recorde de duração de uma só nota tocada num saxofone ao ficar 45 minutos e 47 segundos sem perder o fôlego (o recorde foi superado no ano passado por Femi Kuti).

1/12/2016: 4 bilhões de vezes

O Spotify anuncia que o rapper Drake foi o artista mais ouvido daquele ano, com o hit "One Dance" atingindo 4,7 bilhões de streamings durante o ano. 

Parabéns

Nascidos no primeiro dia de dezembro, os aniversariantes de hoje são o cantor norte-americano Billy Paul (nascido em 1934 e morto em 2016), o cantor norte-americano Lou Rawls (nascido em 1936 e morto em 2006), a cantora e atriz norte-americana Bette Midler (nascida em 1944), o guitarrista do Blue Oyster Cult Eric Bloom (nascido em 1944), o baterista do Doors, John Densmore (nascido em 1944), o baixista virtuoso Jaco Pastorius (nascido em 1951 e morto em 1987), a cantora Julee Cruise (nascida em 1956) e o guitarrista do Linkin Park Brad Delson (nascido em 1977).

Publicidade

Background

Relacionados

Canais Especiais