Fim dos Foo Fighters? Dave Grohl diz que isso 'nunca vai acontecer'
Entretenimento

Fim dos Foo Fighters? Dave Grohl diz que isso 'nunca vai acontecer'

Vira e mexe rolam rumores de que os Foo Fighters estariam se separando. Em se tratando de uma banda tão querida é óbvio que essa fofoca causa um impacto imenso na base fiel de fãs dos caras. Acontece que, como disse Dave Grohl em entrevista, é muito provável que isso nunca aconteça.

"É como se seus avós se divorciassem. Esse tipo de coisa não rola! Quer dizer, até pode acontecer, mas por quê? Você já passou o resto da vida assim, e agora vai terminar? Sabe, ninguém mais se importa. Só vamos continuar fazendo shows e é isso", afirmou à "Billboard".

Novos boatos de que o grupo teria decidido se separar começaram a aparecer em decorrência ao cancelamento de dois shows que aconteceriam em Nova Orleans, nos EUA. Na verdade, o motivo foi a saúde de Dave Grohl. Ele está em recuperação após realizar uma cirurgia no braço, feita depois de uma apresentação dos Foo Fighters no pré-Super Bowl.

"Isso é algo que eu tive que lidar por um longo tempo e não é o fim do mundo. Precisei fazer uma cirurgia no braço simplesmente porque eu preciso pagar o aluguel", brincou o músico. Sempre bem-humorado, ele contou que seus parceiros de banda disseram que, finalmente, ele finalmente vai poder "tirar uma soneca".

De fato, o guitarrista não para. Sua mais recente empreitada, ao lado da banda, é uma parceria educacional com a rede de escolas de música Rocksteady. Juntos, eles criaram as oficinas Just PLAYer, oferecidas em diversas cidades do Reino Unido, na qual crianças de 5 a 16 anos vão aprender a tocar, em aproximadamente 30 minutos, bateria e guitarra de forma gratuita.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest