Fotografias inéditas de Amy Winehouse em 2003 são lançadas em novo livro
Entretenimento

Fotografias inéditas de Amy Winehouse em 2003 são lançadas em novo livro

Publicidade

Charles Moriarty, fotógrafo da capa do primeiro álbum de Amy Winehouse, “Frank”, lançou recentemente o livro “Back To Amy” (“De Volta à Amy”, em português), a segunda publicação do escocês com fotos inéditas da juventude da cantora e amiga. Captadas em 2003, quando a inglesa tinha 19 anos e ainda não era uma estrela internacional, as fotografias históricas são “um retrato íntimo da verdadeira Amy Winehouse”.

RECORDAÇÃO: Fotos mostram uma Madonna estilosa e autêntica antes da fama, em 1978

LEIA TAMBÉM: Artista curitibano cria músicas a partir de fotos do Instagram

Em entrevista ao site britânico “Dazed”, em 2017, após a publicação de “Before Frank” (“Antes de Frank”, em português), o primeiro fotolivro de Charles, o fotógrafo comentou sobre o desejo de Amy de que as fotos do ensaio fossem bastante verossímeis. “Não era para ser a projeção de uma garota na indústria musical ou de uma garota lançando o primeiro álbum, era apenas para ser a Amy”, conta. 

"Era apenas para ser a Amy”, diz fotógrafo e amigo / Reprodução / Charles Moriarty
"Era apenas para ser a Amy”, diz fotógrafo e amigo / Reprodução / Charles Moriarty

Carismática e cheia de vitalidade, a intérprete de “Back To Black” e “Tears Dry On Their Own” costumava parecer confiante e despreocupada, mas Charles conseguiu ver (e registrar) a sensibilidade e vulnerabilidade que havia nela. “Amy era muito aberta e acolhedora”, ele conta. “Ela se entregava, e eu acho que é isso o que é ótimo sobre as fotos: você realmente a vê nelas”.

 Junto às novas imagens, Charles incluiu uma série de seções com palavras de pessoas próximas à Amy, como a mãe, Janis Winehouse, e membros da antiga banda da cantora.

Já é possível adquirir o “Back To Amy” no site internacional da Amazon.

"Você realmente a vê nas fotos" / Reprodução / Charles Moriarty
"Você realmente a vê nas fotos" / Reprodução / Charles Moriarty
“Amy era muito aberta e acolhedora” / Reprodução / Charles Moriarty
“Amy era muito aberta e acolhedora” / Reprodução / Charles Moriarty

Publicidade

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest