Hayley Williams, do Paramore, fala abertamente sobre prevenção ao suicídio
Inspiração

Hayley Williams, do Paramore, fala abertamente sobre prevenção ao suicídio

Durante o Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio, Hayley Williams, vocalista da banda americana Paramore, se pronunciou no Twitter sobre as próprias batalhas com sua saúde mental e acabou compartilhando uma bela dose de esperança pela rede. A cantora — que já escreveu sobre o assunto em uma carta de maio deste ano — aproveitou a ocasião para estimular a busca por ajuda e disse: "A alegria virá de novo e vai valer a pena".

"Realmente, eu só quero dizer que quando minha mente estava super sombria e sem esperança, havia uma parte de mim que se sentia segura sendo cínica e desligada", disse ela no Twitter. “Estou tentando ficar mais saudável agora… e é uma mudança de estilo de vida. Às vezes me sinto desconfortável e nem sempre faço isso bem, mas espero que, se você lutar contra a escuridão, tente se lembrar de se permitir sentir a felicidade quando ela chegar. Estou tentando também".

"Às vezes eu sinto que provavelmente pareço menos 'legal' ou acabo me preocupando em estar fingindo de alguma forma, mas me esforço para comemorar e reconhecer a alegria quando eu a sinto, ou mesmo quando a vejo em meus amigos”.

A música "Rose-Colored Boy", do álbum "After Laughter", o mais recente do Paramore, fala sobre saúde mental. Em tweets não mais existentes (mas transcritos pelo site "NME"), a banda já chegou a se pronunciar sobre o significado da canção: "'Rose-Colored Boy' é uma canção sobre sentir-se pressionado a olhar para o mundo com otimismo cego quando, na verdade, você se sente sem esperança sobre ele e sobre seu papel nele”.

“Há tanta pressão social para ser (ou parecer ser) 'feliz' que acabamos sentindo vergonha quando não estamos", completaram os os músicos em outro post na rede social. “Adicionar vergonha à tristeza é um coquetel muito tóxico. É bastante difícil lidar com tristeza, depressão ou qualquer tipo de ansiedade sem as expectativas sociais acrescidas. É importante e mais reparador conhecer as pessoas na situação em que estão — empatia — do que tentar pintar tudo de rosa”.

Canais de Marcas

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest