Hugh Jackman investe na carreira de cantor e prepara turnê mundial
Entretenimento

Hugh Jackman investe na carreira de cantor e prepara turnê mundial

0

Publicidade

Quem assistiu aos filmes "O Rei do Show" ou "Os Miseráveis" conhece a capacidade vocal do ator Hugh Jackman — também conhecido por seu papel como o mutante Wolverine na saga cinematográfica dos "X-Men". Graças ao sucesso dos títulos musicais em que atuou na telona, bem como seu bom desempenho em espetáculos da Broadway, o australiano de 50 anos investirá em 2019 em sua carreira como cantor. E até fará uma turnê mundial. 

LEIA MAIS: Por que 'This is Me', do filme 'O Rei do Show', se tornou um hino fora do cinema

VEJA TAMBÉM: O que gostaríamos de ver na turnê das Spice Girls

Segundo a "AP", Jackman viajará o mundo com a excursão batizada de "The Man. The Music. The Show", na qual ele cantará faixas dos musicais dos quais participou ao longo de sua carreira, bem como outras canções do gosto do ator e algumas autorais. "Sempre me senti estranhamente em casa no palco, não importa o seu tamanho", disse o ator-cantor. "Nem nos meus sonhos mais profundos eu imaginaria que aos 50 anos estaria cantando no Madison Square Garden ou no Hollywood Bowl".

As apresentações terão início em Harmburgo, na Alemanha, em 13 de maio. Depois, seguirá para Londres, onde fará dois shows na Arena O2. Em 18 de junho ele chega a Houston, no Texas. Em 10 de dezembro de 2019, é a vez da performance em Nova York.

Nascido em Sydney, na Austrália, Jackman realizou uma turnê em sua terra natal há cerca de três anos, mas não conseguiu levar o espetáculo para fora de seu país de origem. Na época, como lembrou o ator durante a entrevista, seu empresário o desencorajou. "Ele me disse: 'Deixe isso aí na Austrália, cara'", explicou. 

Com o sucesso de "O Rei do Show", no entanto, Jackman percebeu que a oportunidade de realizar seu sonho estava batendo novamente em sua porta. "A oportunidade de viajar o mundo com minha música não teria acontecido sem o sucesso de 'O Rei do Show'", reiterou ele. De fato, o musical dirigido por Michael Gracey e lançado em 2017 foi um sucesso de bilheteria. Só na primeira semana, o filme arrecadou US$ 8,6 milhões e a trilha sonora alcançou a 71ª colocação nos charts da "Billboard". 

Publicidade

Background

Relacionados

Canais Especiais