Ian Curtis: músicas para celebrar a memória do líder do Joy Division, morto há 40 anos
Entretenimento

Ian Curtis: músicas para celebrar a memória do líder do Joy Division, morto há 40 anos

O pós-punk da banda inglesa Joy Division fez o talento de Ian Curtisalcançar sucesso mundial. Nascido em 1956 e morto em 1980, há 40 anos, o dono da voz de "Love Will Tear Us Apart" só precisou de um álbum em vida para se tornar imortal na música. Referência e inspiração como frontman do grupo que veio a dar origem ao New Order, Ian doou sua profundidade artística a obras capazes de conquistar novos fãs a cada geração. Para celebrar e homenagear a memória do músico, a Playlist Rádio Ibiza desta semana é dedicada a ele — e está disponível no Spotify e no Deezer.

Admiradores de Ian Curtis, artistas como Renato Russo (1960-1996) se basearam no estilo do músico inglês para construir o próprio repertório. Também um marco para bandas posteriores, o álbum de estreia do Joy Division, "Unknown Pleasures" (1979), segue como uma das maiores referências de grupos de indie rock da atualidade.

Ian Curtis à frente do Joy Division durante show na Holanda, em janeiro de 1980 / Foto: Getty Images
Ian Curtis à frente do Joy Division durante show na Holanda, em janeiro de 1980 / Foto: Getty Images

CONHEÇA ALGUMAS FAIXAS DA PLAYLIST '40 ANOS SEM IAN CURTIS':

"Heart And Soul", de Joy Division
"The Egg", de Happy Mondays
"Public Image", de Public Image Ltd.
"The Killing Moon", de Echo & The Bunnymen
"Disorder", de Joy Division
"The Cutter", de Echo & The Bunnymen
"Age Of Consent", de New Order
"Dark Entries", de Bauhaus
"No Escape", de Cabaret Voltair
"Enola Gay", de Orchestral Manoeuvres In The Dark

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest