'Let's Dance': boteco que aparece em vídeo clássico de David Bowie está à venda
Entretenimento

'Let's Dance': boteco que aparece em vídeo clássico de David Bowie está à venda

A primeira cena do videoclipe de “Let’s Dance”, de David Bowie, mostra um pequeno estabelecimento de esquina numa rua de terra. Era o Carinda Hotel, que hospeda o famoso barzinho no vilarejo de mesmo nome, em Nova Gales do Sul, região rural do leste da Austrália. Um lugar remoto mesmo, a mais de 700 quilômetros de Sydney ou de Brisbane, com apenas 156 habitantes, segundo o censo de 2016. Passados 37 anos, o local está praticamente com o mesmo aspecto — a não ser pela rua, que foi asfaltada. E agora, está à venda.

O Carinda Hotel foi anunciado no site Gumtree pelo valor de R$ 674 mil. O texto que descreve a propriedade, construída nos anos 1930, ressalta que o hotel ficou famoso em 1983, quando serviu de locação para o megahit “Let’s Dance”, e que a parede com azulejos amarelados em que Bowie aparece encostado cantando está inalterada (os azulejos foram retirados e colocados de volta depois de uma reforma). Aliás, esse é o ponto mais procurado, dentro do pub (que tem mais cara de boteco mesmo) por turistas, que podem fazer fotos segurando uma guitarra do mesmo modelo — e com luvas, tal e qual ele aparece no vídeo.

Turista posa na mesma parede em que Bowie aparece no videoclipe de "Let´s Dance", hoje cheia de fotos do artista. Foto: reprodução Facebook
Turista posa na mesma parede em que Bowie aparece no videoclipe de "Let´s Dance", hoje cheia de fotos do artista. Foto: reprodução Facebook

O anúncio, que diz que as visitas podem ser feitas a partir de abril, enumera ainda os atrativos do local: “grande área de bar com cerveja de torneira, geladeiras, área de cozinha com exaustor, seis salas internas anexadas nos fundos do edifício, banheiros internos e externos".

A referência musical tornou o local famoso e acabou originando o simpático “Let’s Dance Carinda”, pequeno festival anual que acontece na cidade. Com o anúncio de venda, muitos fãs, moradores e turistas ficaram preocupados com o futuro do evento. Apesar de ainda não ter nenhum comunicado oficial nem venda de ingressos, a página de Facebook e o site mantêm a data de outubro para o festival. No final de fevereiro foi anunciada, inclusive, a banda norueguesa Ashes To Ashes no line-up.

Dirigido por David Mallet, o videoclipe tinha forte apelo anti-racista, especificamente em relação aos povos nativos australianos. "A mensagem que os vídeos de Let's Dance' e 'China Girl' têm é muito simples - é errado ser racista!”, disse Bowie à "Rolling Stone" em 1983. Ele chamou a atenção para a situação em particular da Austrália: “Por mais que eu ame este país, é provavelmente um dos mais intolerantes do mundo, bem alinhado com a África do Sul. No norte, há uma intolerância inacreditável".

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest