Máquina do Tempo: 'Chaos A.D.', do Sepultura, foi lançado há 25 anos
Especial

Máquina do Tempo: 'Chaos A.D.', do Sepultura, foi lançado há 25 anos

A obra-prima do metal brasileiro faz 25 anos

O grupo mineiro Sepultura lança seu quinto álbum, “Chaos A.D.”, que consolida a ótima fase que o grupo estava atravessando num disco que repensou o gênero thrash metal em nível mundial. Considerado o disco mais importante da carreira do grupo, ele foi produzido pelo engenheiro de som Andy Wallace, dono da assinatura musical da música pesada do início dos anos 1990.

A banda, liderada pelos irmãos Cavalera, começava a explorar as fronteiras de sua sonoridade, fosse ao gravar com o grupo baiano Olodum ou a homenagear a tribo indígena Kaiowas na faixa de mesmo nome, tocada apenas com violões e percussão.

19/10/1995: Ave Cherry

Morre o trompetista Don Cherry. Conhecido por ter sido um dos principais colaboradores do inventor do free jazz, Ornette Coleman, Cherry também foi um dos pioneiros do jazz fusion e também pai da rapper e cantora Neneh Cherry e do cantor e compositor Eagle-Eyed Cherry. Morreu em Málaga, na Espanha.

19/10/1967: ‘You say yes…’

Dois dias depois de comparecerem ao funeral de seu empresário, Brian Epstein, os Beatles voltam ao estúdio para terminar a faixa "Hello Goodbye”. Composta por Paul McCartney (embora os créditos, como sempre, fossem divididos com John Lennon), a canção começou como uma brincadeira sobre composição entre Paul e o assistente de Brian, Alistair Taylor. O baixista desafiou o amigo, dizendo que onseguiria compor em cima do exato oposto que ele dissesse. A brincadeira evoluiu, e os Beatles começaram a gravação do single, que seria lançado no filme “Magical Mystery Tour” no início daquele mês de outubro, mas só no dia 19 o grupo encerrou os trabalhos no estúdio. No dia seguinte, o produtor George Martin acrescentou duas violas à gravação.

19/10/1964: O marco zero do blues inglês

Acontece a segunda edição do American Negro Blues Festival no Fairfield Hall, em Londres, que levou pela primeira vez nomes importantes do blues norte-americano para apresentar-se no país. Exemplos? Howlin' Wolf, Willie Dixon, Lightnin' Hopkins e Sonny Boy Williamson, alguns deles acompanhados pela banda inglesa Yardbirds, que contava com o jovem guitarrista Eric Clapton em sua formação. O show, considerado um marco na história do blues elétrico inglês, contou com nomes como Mick Jagger, Rod Stewart, Jimmy Page e Robert Plant entre o público.

Cartaz do festival do American Negro Blues Festival, que agitou a Inglaterra / Reprodução
Cartaz do festival do American Negro Blues Festival, que agitou a Inglaterra / Reprodução

Parabéns!

A travesti Divine, nome artístico de Harris Glenn Milstead, completaria 73 anos se estivesse viva. Um dos principais nomes da contracultura gay dos anos 1970, foi considerada a drag queen mais importante do século passado. É quase sempre associada ao amigo John Waters, com quem fez vários filmes (inclusive o infame “Pink Flamingos”, de 1972), mas sua carreira musical se mistura com o fim da disco music e o início da new wave, na virada dos anos 1970 para os 1980, quando emplacou vários hits. Morreu no dia 7 de março de 1988, dormindo, vítima de um problema cardíaco.

Também aniversariam nesta sexta o MC Pras, que era dos Fugees (nascido em Nova York, em 1972), o guitarrista fundador do Capital Inicial Loro Jones (Rio de Janeiro, 1971) e o segundo nome mais importante da história do reggae, o jamaicano Peter Tosh (que completaria 74 anos hoje, caso não tivesse morrido assassinado em sua própria casa no dia 11 de setembro de 1987).

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest