Matty Healy, do 1975, protesta contra políticas homofóbicas em Dubai com beijaço em fã
Inspiração

Matty Healy, do 1975, protesta contra políticas homofóbicas em Dubai com beijaço em fã

A banda inglesa The 1975 fez sua primeira passagem pelos Emirados Árabes nesta quarta-feira (15). Em Dubai, onde aconteceu a apresentação, o vocalista Matty Healy, de 30 anos, mostrou sua revolta contra as políticas homofóbicas no país — que faz parte de uma lista de 70 nações que criminalizam a homossexualidade —, onde é proibido haver relações entre pessoas do mesmo sexo. Para protestar, o músico beijou um do sexo masculino durante o show.

O menino segurava uma placa com os dizeres "Matty, case comigo" e chamou a atenção do vocalista. Ele, então, desceu do palco durante a performance da música "Loving Someone", abraçou o garoto e perguntou se poderia beijá-lo. "Somos todos humanos, certo?", disse o cantor após a troca de afeto com seu admirador.

Nos Emirados Árabes, se fosse condenado por "crime de gênero", Matty e o rapaz poderiam pegar mais de 10 anos de prisão.

Matty Healy beijando fã durante um show em Dubai, nos Emirados Arábes/Reprodução/Twitter
Matty Healy beijando fã durante um show em Dubai, nos Emirados Arábes/Reprodução/Twitter

Após o show, Matty foi ao Twitter falar sobre o beijo: "Obrigado, Dubai, vocês foram tão maravilhosos... Acho que não teremos permissão para voltar para cá devido ao meu 'comportamento', mas vocês sabem que amo vocês e não faria nada diferente se tivesse outra chance."

O líder do 1975 é conhecido por defender as causas da comunidade LGBT, não somente ao apoiar seus fãs homossexuais, mas também realizando doações para ONGs que lutam pelos direitos dessas pessoas.

Canais de Marcas

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest