Mick Jagger e Keith Richards dão final feliz para disputa judicial de 'Bitter Sweet Symphony'
Entretenimento

Mick Jagger e Keith Richards dão final feliz para disputa judicial de 'Bitter Sweet Symphony'

"Bitter Sweet Symphony" é um dos maiores hits do britpop dos anos 1990. Lançada em 1997, a canção da banda Verve foi alvo de uma disputa judicial entre os Rolling Stones e Richard Ashcroft, autor da música e vocalista do grupo. Mick Jagger e Keith Richards tinham 100% dos royalties da faixa, que utiliza o sample de "Last Time", dos Stones, em algumas partes.

Todo o processo, arrastado por mais de 20 anos, é, na verdade, soa como injustiça com o líder do Verve. Para começar, a canção é de sua autoria, e a parte de "Last Time" que foi sampleada não é uma criação original da dupla Mick e Keith.

O tempo de espera, enfim, terminou. Em entrevista à "Rolling Stone", Richard disse que Mick e Keith desistiram da briga e devolveram os royalties da canção para ele. "Eles me entregaram todos os seus créditos por 'Bitter Sweet Symphony' no mês passado. Achei um gesto magnífico da parte deles", disse o músico.

Richard Ashcroft felizão! E tem razão, né não?/Getty Images
Richard Ashcroft felizão! E tem razão, né não?/Getty Images

Já à "BBC", Richard deu mais detalhes. Segundo ele, a ação foi totalmente voluntária por parte dos Stones. Portanto, ninguém forçou a barra! E ainda rolou um elogio: "Nunca tive uma briga pessoal com os dois. Até porque eles sempre foram a melhor banda de rock ‘n roll do mundo".

Mas, para não perder a pose, o músico fez questão de lembrar: "Ainda bem que Mick e Keith reconheceram que sou o autor dessa obra-prima".

Tags relacionadas:
EntretenimentoRolling Stones

Canais de Marcas

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest