Museu da Motown, meca dos fãs de soul music, mostra plano milionário de expansão
Entretenimento

Museu da Motown, meca dos fãs de soul music, mostra plano milionário de expansão

Uma animação divulgada pelo Museu da Motown revelou como ficará a futura sede da instituição, uma das atrações mais visitadas do estado de Michigan, nos Estados Unidos, meca para onde peregrinam admiradores do som da gravadora fundada em 1959. Em um passeio pela West Grand Boulevard, em Detroit, o vídeo mostra, ao som de "Get Ready", dos Temptations, uma perspectiva aérea de como ficará o moderno prédio.

LEIA AINDA: Smokey Robinson e Berry Gordy são celebrados em noite de homenagem a poetas negros e ao 'poder do amor'
VEJA MAIS: Em 12 de janeiro de 1959, era fundada a Motown

Uma boa notícia é que a imponente construção vai não só manter, mas incorporar construções antigas do local, incluindo a casa original (que era chamada de Hitsville) que foi a primeira sede da Motown e onde, no segundo andar, o fundador, Berry Gordy Jr., viveu com sua família durantes os primeiros dias da empresa. O Studio A, onde gravaram lendas do soul como Smokey Robinson, Marvin Gaye, Supremes, Jackson Five, Stevie Wonder e The Four Tops.

A expansão do museu criado em 1985 foi anunciada em 2016 e, desde então, a instituição vem arrecadando fundos, recebendo apoio de várias fundações, como a Vera and Joseph Dresner Foundation, que doou US$ 1 milhão em janeiro. Mais recentemente, o próprio Berry Gordy doou US$ 4 milhões. Ele fundou a gravadora em janeiro de 1959 inicialmente com o nome Tamla Records e que se tornou Motown Record Corporation em abril de 1960.

“Este museu expandido não só entreterá e contará histórias de pessoas talentosas e criativas que tiveram sucesso contra todas as probabilidades, mas também inspirará e criará oportunidades para os jovens perseguirem seus sonhos e continuarem a fazer este mundo melhor, seguindo as coisas que parecem impossíveis”, disse Gordy, 89 anos, durante uma cerimônia no museu no final do ano passado.

Detalhes do novo prédio do Museu da Motown. Foto: Reprodução
Detalhes do novo prédio do Museu da Motown. Foto: Reprodução

Ainda sem data oficial para finalizar as obras — a arrecadação de fundos ainda está na metade do montante necessário —, o que se sabe é que o novo espaço terá um teatro, estúdio de gravação, novas exposições interativas e espaços comunitários.

A primeira fase da construção, prevista para terminar em meados de agosto, está remodelando e conectando três edifícios existentes para uma instalação chamada Hitsville Next, que abrigará programas de educação para jovens. Além disso, estão previstos espaços para exposições interativas, um teatro com equipamentos de última geração e um novo estúdio de gravação.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest