Músicos japoneses criam música a partir de lixo eletroanalógico
Criatividade

Músicos japoneses criam música a partir de lixo eletroanalógico

Publicidade

A partir de TVs de tubo, projetores de luz, máquinas de rebobinar fitas cassete e outros objetos que seriam jogados fora, o grupo japonês Open Reel Ensemble — algo como “conjunto de bobinas abertas”, em português — usa e abusa da criatividade para fazer música experimental. Conduzido pelo programador-compositor Ei Wada, o projeto explora diversas sonoridades com utensílios eletroanalógicos aparentemente incapazes de produzir sons melódicos.

RECICLAGEM: Parque musical é feito de sucata e materiais alternativos

LEIA TAMBÉM: Canadense faz guitarras ecológicas com madeira encontrada nos rios e resina

Com inspiração no movimento francês “musique concrète” — “música concreta”, em português, —, dos anos 1940, que se tornou conhecido pelas composições eletroacústicas com “instrumentos não-musicais” (gravadores, fonógrafos e microfones, por exemplo), o conjunto de Wada junto dos amigos Haruka Yoshida e Masaru Yoshida cria canções que viajam do dance music experimental a sons ambiente de galerias de arte

Ao combinar livremente mixers contemporâneos, amplificadores, luzes, batidas, máquinas ultrapassadas e até ventiladores, o Open Reel Ensemble revive a experiência dos primórdios da música eletrônica, ou seja, antes do surgimento dos sintetizadores. "Todos esses objetos tecnológicos são um símbolo do crescimento econômico do Japão, mas eles também são descartados em grande quantidade", diz Wada. “É bom não apenas dizer adeus às coisas que são jogadas fora, mas também poder adicionar novos significados a elas e celebrar seus pontos únicos”.

"Nós usamos cortadores a laser e impressoras 3D para projetar os ventiladores", explica Wada sobre a performance de “Exhaust Fancillator” — algo próximo a “ventilador de exaustão”, em português —, que ilustra bem a aptidão do grupo de artistas para improvisar, inventar e reutilizar objetos em prol da inovação musical.

 Com informações do “Open Culture”.                                                                                                                                                                                                                         

Publicidade

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest