Para jovens, música e amigos são mais importantes que álcool durante o lazer, diz pesquisa
Entretenimento

Para jovens, música e amigos são mais importantes que álcool durante o lazer, diz pesquisa

Publicidade

Música, amigos e comida. Três elementos que formam o melhor dos mundos para os jovens na hora de curtir o tempo livre. Pelo menos é o que mostra um estudo da MindMiners, empresa de tecnologia especializada em pesquisa digital, em parceria com a agência de publicidade F/Nazca, para entender o comportamento dos jovens diante de bebidas alcoólicas. As três palavras foram as mais citadas quando os mil jovens entrevistados tiveram que descrever como seria o programa ideal de fim de semana. Entre as atividades mais citadas para os momentos de lazer, estavam namorar, assistir Netflix e comer hambúrguer. 

LEIA MAIS: Incomodada com música alta do vizinho, mulher resolve embate do jeito mais gentil (e divertido) do mundo

TOCA-BISCOITOS? Oreo lança vitrola que funciona com bolacha recheada no lugar do disco

“Não pode faltar a presença de amigos, aquela parceria é importante pra não se sentir só no rolê, além de músicas boas”, respondeu um dos entrevistados. “Amigos em primeiro lugar, depois talvez música, jogos e filmes. Não faço questão da bebida para curtir”, foi a resposta de outro jovem. 

A surpresa no estudo é a perda de relevância do fator "álcool" para a hora da curtição, enquanto a música continua sendo um dos mais importantes. Os jovens entrevistados apresentam um perfil mais caseiro e 66%  afirmaram não se sentirem obrigados a beber quando estão em uma festa, por exemplo. Para muitos, a cerveja, escolha mais comum entre os jovens, é caracterizada como um produto de pontos negativos, que engorda e faz "ir muito ao banheiro". 

Publicidade

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest