Pets ganham playlists personalizadas no Spotify
Entretenimento

Pets ganham playlists personalizadas no Spotify

As opções de playlists do Spotify são infinitas, mas sempre há espaço para novidades. Essa semana, por exemplo, a gigante do streaming criou a Pet Playists, uma lista de reprodução para compartilhar com seus animais de estimação.

A nova oferta permite que fãs de música e de animais aproveitem os dois ao mesmo tempo. As listas apresentam cerca de 30 faixas e são selecionadas por algoritmos, com base nas preferências do ouvinte para seus filhos de patinhas.

O aplicativo permite fazer uma playlist personalizada para o animal de estimação. Foto: Reprodução Spotify
O aplicativo permite fazer uma playlist personalizada para o animal de estimação. Foto: Reprodução Spotify

O processo é bem fácil, bastando acessar o Spotify através do link “Pet playlists”, escolher entre gato, cão, iguana, hamster ou pássaro e responder perguntas sobre o pet, do tipo se ele é tímido ou amigável, quieto ou energético. Basta adicionar o nome e conferir as músicas selecionadas.

Tela onde o timo de animal de estimação é escolhido para que o aplicativo bole a lista de músicas adequadas. Foto: Reprodução Spotify
Tela onde o timo de animal de estimação é escolhido para que o aplicativo bole a lista de músicas adequadas. Foto: Reprodução Spotify

O que parece excêntrico ou mais um item supérfluo comercializado para pets foi baseado numa pesquisa feita globalmente por uma empresa sueca. O resultado constatou, entre outras coisas, que 71% dos donos de animais tocam música para seus amiguinhos e ainda acreditam que eles gostam do que ouvem.

Além disso, o Spotify teve a consultoria do musicólogo David Teie, violoncelista da National Symphony Orchestra da América e compositor de dois álbuns de música para gatos. Embora cada playlist seja criada por algoritmos, a experiência de Teie foi influenciou a forma como o algoritmo foi programado.

Música para animais de estimação já é um negócio. Em 2018, o a Classic FM do Reino Unido transmitiu um show único para animais de estimação, e Lou Reed (1942-2013) e sua mulher, a compositora Laurie Anderson, criaram um "concerto de alta frequência" para entreter um público de cães australianos e seus donos.

Um estudo realizado pela Scottish SPCA e pela Universidade de Glasgow publicado em 2017 testou a reação dos cães a cinco gêneros de música: soft rock, Motown, pop, reggae e clássico. Os pesquisadores descobriram que a música clássica teve um efeito calmante inicial, mas os vira-latas logo ansiavam por outras músicas. Reggae e soft rock atingiram o ponto certo.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest