Radiohead libera na internet gravações 'sequestradas' de 'OK Computer'
Inspiração

Radiohead libera na internet gravações 'sequestradas' de 'OK Computer'

0Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do Pinterest

Publicidade

Até o final de junho os fãs do Radiohead podem ter acesso a 18 horas de gravações extras do histórico álbum "Ok Computer". O material, sobras de estúdio daquele ano de 1997, estava guardado com o vocalista Thom Yorke em um minidisc e foi hackeado. O invasor espertinho, que pediu US$ 150 mil (R$ 577 mil) de resgate para devolver as músicas, ficou de mãos abanando. Fãs chegaram a discutir se faziam uma vaquinha no Reddit para pagar o material histórico, mas desistiram por questões éticas. A banda decidiu disponibilizar tudo no Bandcamp e vai reverter o lucro dos downloads para a ONG Extinction Rebellion. 

O multi-instrumentista Jonny Greenwood afirma que nunca houve intenção de lançar comercialmente as faixas, que são muito longas - cada uma tem cerca de uma hora. Ele brinca em seu Facebook dizendo que o valor de R$ 88 por download é justo para que os fâs descubram se o resgate deveria ou não ter sido pago.

LEIA MAIS:  https://reverb.com.br/artigo/thom-yorke-do-radiohead-lanca-single-em-parceria-com-o-greenpeace 

veja também:  https://reverb.com.br/artigo/thom-yorke-a-voz-do-radiohead-e-o-ultimo-heroi-do-rock-n-roll 

A faixa que abre o material é "Exit Music (For a film)", que traz letra diferente da versão lançada em "OK Computer". O verso "living in a glass house”, por exemplo, foi "reciclado" mais tarde na canção "Life in a Glasshouse" do álbum "Amnesiac". Outro destaque é "True Love Waits", que a banda sempre tocou ao vivo e só veio a gravar em 2016 no disco "A Moon Shaped Pool" numa versão voz e piano. Entre as totalmente inéditas estão "Attention" e "Hurts to Walk".


 

Enquanto Yorke diz que a coleção de 1,8 gigabyte não é nem um pouco interessante - "Já que vazou, que fique por aí até todos se cansarem e seguirem em frente", desdenha - os ativistas ecológicos comemoram a visibilidade do ato e o apoio sem precedentes, é claro. O grupo ganhou autorização para usar a música "Idioteque" para um vídeo promocional. "Questões climáticas e ecológicas requerem coragem, honestidade e generosidade. Estamos muito agradecidos ao Radiohead por nos mostrar como isso pode ser feito", diz o Extinction Rebellion. 

Publicidade

Background

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest