Rob Halford, do Judas Priest, voz atuante dos LGBT no heavy metal, quer ser jurado do 'RuPaul's Drag Race'
Entretenimento

Rob Halford, do Judas Priest, voz atuante dos LGBT no heavy metal, quer ser jurado do 'RuPaul's Drag Race'

O vocalista da banda Judas Priest, Rob Halford, de 68 anos, lança, nesta sexta-feira (18), seu segundo álbum natalino, "Celestial" — ouça aqui a primeira canção do disco, "Hark! The Herald Angels Sing". Antes deste, em 2009, ele divulgou o projeto "Halford III: Christmas Songs". O novo LP conta com participações de amigos e familiares do músico, que em entrevista ao site "Yahoo Entertainment", disse que adoraria ser convidado para sentar-se na mesa de jurados do programa de TV "RuPaul's Drag Race".

Não seria uma má ideia, uma vez que Rob faz parte da comunidade LGBTQI+ e outras celebridades do rock, como Courtney Love, Debbie Harry, e membros da família de Ozzy Osbourne — a filha Kelly e sua mulher Sharon — já participaram da competição de drag queens.

"Vamos fazer isso, Ru! Uma categoria de metal para todas as drags concorrerem", disse ele, que é, declaradamente, um fã do reality show. "Amo o programa e a dimensão emocional que ele apresenta aos telespectadores. A interação, o apoio, a diversão, todo o shade... Isso tudo é ótimo. É um lado muito lindo do nosso mundo que é super importante. Tem um tremendo valor para a sociedade", avaliou.

Capa de 'Celestial', o segundo álbum natalino de Rob Halford, que será lançado nesta sexta-feira (18)/Divulgação
Capa de 'Celestial', o segundo álbum natalino de Rob Halford, que será lançado nesta sexta-feira (18)/Divulgação

Para quem não sabe, Rob tornou pública sua homossexualidade em 1998. Desde então, ele é um dos principais ícones da comunidade LGBTQI+ no heavy metal. Além do programa de RuPaul, há outra atração televisiva que o músico aprecia muito: o "Queer Eye".

"Esses shows são ótimas oportunidades para pessoas como nós", declarou ele. "Apenas olhe, escute e aprenda. Nós estamos em todos os lugares. Esqueça o preconceito. Estamos quase em 2020 e ainda temos que lutar contra isso. Especialmente nos EUA, o clima está tenso, muito difícil", observou ele, que ainda não é um cidadão americano, mas está "trabalhando nisso". "A atual administração do país ignora nossa existência enquanto uma família, uma grande comunidade. Isso é um grande desserviço. Graças a Deus que Trump não vai durar para sempre."

Falando em Rob e sua banda, eles acabam de ser indicados a uma vaga no Rock & Roll Hall of Fame. O resultado da votação ainda não saiu, mas esperamos que o Judas Priest ganhe um lugar especial no tão celebrado Hall da Fama.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest