Rock in Rio 2019: Slayer anuncia seu 'capítulo final', atiçando especulações dos fãs
Rock in Rio 2019

Rock in Rio 2019: Slayer anuncia seu 'capítulo final', atiçando especulações dos fãs

Com shows previstos para o Brasil, marcados para São Paulo e para o palco Sunset do Rock in Rio 2019, a banda americana Slayer, uma das precursoras do thrash metal, atiçou mais a expectativa dos fãs locais por uma última oportunidade assisti-los ao vivo. Em 2013, o Slayer tocou no palco Mundo do Rock in Rio, em uma de suas primeiras apresentações sem o guitarrista Jeff Hanneman, que morreu em maio daquele ano.

O quarteto postou nesta, segunda-feira (1º/7), no YouTube, um vídeo em que fala, em metáforas, do último capítulo de sua turnê de despedida - anunciada desde janeiro de 2018

Slayer toca recentemente no Rune Hellestad - Corbis Corbis via Getty Images
Slayer toca recentemente no Rune Hellestad - Corbis Corbis via Getty Images

“Para cada história, há uma tragédia. A vida é um livro cheio de capítulos. Alguns contam histórias de um bom tempo. Alguns contam histórias do escuro. Para todo monstro, existe um herói. Para todo pesadelo, todos nós acordamos. Para cada história, há um capítulo final”, narra uma voz, no vídeo, que mostra um homem recortado é visto cavando terra com uma pá antes de estender uma grande cruz no chão.

“Alguns monstros podem se tornar humanos. Outros monstros colhem por vingança. Este é o fim dos monstros”, prossegue, em um padrão visual que, inclusive, lembra o do videoclipe da clássica “Seasons In The Abyss”, de 1990.

O site Consequence of Sound especula sobre o real significado da mensagem passada pelo vídeo, que mostra o logotipo do Slayer, junto com as palavras “Fall 2019” e o logo da Nuclear Blast Records – nome da gravadora da banda –, questionando se isso não poderia significar um álbum final.

O Slayer toca no dia 2 de outubro no Espaço das Américas, em São Paulo; e no dia 4 fechando o palco do palco Sunset, do Rock in Rio 4. Em outra especulação lembrada pelo Consequence of Sound, no início deste ano, o baixista e vocalista do Primus, Les Claypool, afirmou que sua iria abrir shows da turnê de despedida do Slayer nos EUA - o que até agora não foi confirmado pelo próprio Slayer.

As bandas de apoio da turnê de despedida, aliás, foram citadas pelo site Louder Sound como um dos dez motivos pelos quais o Slayer vai fazer falta. As bandas de abertura citadas pelo site incluem Lamb of God e Anthrax - que toca, no mesmo dia 4 de outubro, no palco Sunset do Rock in Rio.

Gary Holt respondeu curto e grosso a integrantes dos Kardashians que vestiram roupas com logo do Slayer /reprodução
Gary Holt respondeu curto e grosso a integrantes dos Kardashians que vestiram roupas com logo do Slayer /reprodução

Além da energia primal e do peso dos shows, da velocidade das músicas, desde “Angel of Death” e “Raining Blood”, com bom humor, o Louder Sound também destaca o sorriso alegre do baixista e vocalista Tom Araya (um dos dois fundadores ainda na banda, ao lado do guitarrista Kerry King), ao cantar suas letras sobre massacres e destruições e a camisa com a frase “Kill The Kardashians”, usada pelo guitarrista Gary Holt, depois que Kendall e Kylie Jenner, integrantes da série televisiva em família, apareceram vestindo roupas com o logotipo do Slayer.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest