Simon Cowell doa US$ 32 mil para fechar fazenda de carne de cachorro
Inspiração

Simon Cowell doa US$ 32 mil para fechar fazenda de carne de cachorro

Simon Cowell tem fama de jurado durão ao avaliar cantores no "X-Factor" e no "American Idol", mas às vezes ele é um amorzinho fora da TV. Prova disso é que o apresentador doou US$ 32 mil para a Humane Society, uma das maiores ONGs de proteção animal do mundo. Com a quantia, ele ajudará a fechar uma fazenda produtora de carne de cachorro na Coreia do Sul e salvará mais de 200 cães.

Em vez de virarem comida (ai!), os animais serão levados para abrigos nos EUA, Reino Unido, Canadá e Holanda, onde ficarão disponíveis para adoção. Com a ajuda do padrinho famoso, a ONG ainda conseguiu arrecadar mais US$ 32 mil de doadores externos.

Essa é a 13ª fazenda produtora de carne de cachorro fechada pela Humane Society. Graças à organização, mais de 1,4 mil cães foram resgatados. A ONG também se mobiliza para encontrar trabalhos mais "humanos" para os ex-funcionários da propriedade, que são estimulados a procurarem empregos em fazendas de cogumelos e pimenta, por exemplo.

Atuações como a da Humane Society são responsáveis pela diminuição do consumo de carne de cachorro na Coreia do Sul, algo que parece estranho para os brasileiros, mas é muito comum entre algumas culturas da Ásia. Estudos revelam que pelo menos 70% dos coreanos se recusam a comer esse tipo de carne atualmente. No país, entretanto, a venda de carne de cães ainda não foi banida. O que o governo fez até o momento foi criar leis mais restritas para embarreirar esse tipo de mercadoria.

Canais de Marcas

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest