Solange gravou maior parte de 'When I Get Home' de uma vez só
Entretenimento

Solange gravou maior parte de 'When I Get Home' de uma vez só

0

Publicidade

Quem sabe faz de uma vez só. O novo álbum de Solange,"When I Get Home", teve a maior parte de suas músicas gravadas de primeira. Não houve a necessidade de fazer vários takes para que a versão final das faixas ficasse pronta. A cantora falou sobre isso em entrevista à "i-D".

LEIA MAIS: ‘Rewind’, de Kelela, foi inspirada em história que aconteceu no Brasil

R&B: As melhores músicas de 2018, por Barack Obama

"O que eu amo sobre esse processo de gravação é que a maior parte das músicas foram gravadas de uma vez só. Nós começávamos comigo cantando a melodia e construindo os acordes, e depois John Key entrava na bateria ou no teclado e John Kirby nos sintetizadores", contou. "Depois eu selecionava os melhores três minutos entre os 15 gravados."

"When I Get Home" é o primeiro álbum de Solange após o aclamado "A Seat at The Table", de 2016. Para finalizar o novo projeto, a irmã de Beyoncé levou dois anos. 

A cantora de Houston conta que até tentou regravar algumas partes das músicas, mas elas não soaram como as primeiras versões. "A energia não era a mesma e eu tive que me render a isso. Esse álbum não é sobre performance vocal ou palavras sendo ditas em alto e bom som. Eu tentei criar tudo que eu tinha a dizer com sons e frequências. Isso é sobre a forma como eu me sinto. É sobre sentimentos."

"Eu me diverti muito criando esse álbum. Eu realmente queria criar um espaço de alegria e expressão. Meu último álbum foi profundamente pessoal, mas não era segredo para ninguém que eu estava trabalhando em meio a muita merda", diz.  

Publicidade

Background

Relacionados

Canais Especiais