Sósia de Morrissey explica como se desvencilha das visões do cantor
Entretenimento

Sósia de Morrissey explica como se desvencilha das visões do cantor

0

Publicidade

Não deve ter sido fácil para os fãs de Morrissey ver o cantor se pronunciar de forma problemática sobre assuntos polêmicos durante o último ano. A postura do ex-vocalista da banda britânica The Smiths impactou diversas pessoas que acompanham sua carreira, inclusive um sósia do cantor, o inglês Johnny Turner — frontman da banda tributo The Smiths Ltd, de Manchester —, que precisou lidar com os desdobramentos do que foi dito por Moz.

ROCK INGLÊS: ‘Álbum Branco’, 50 anos: a última vez que os Beatles se comportaram como uma banda

LEIA TAMBÉM: Giovanna Grigio, ex-'Malhação', é fã de The Smiths e Nat King Cole

Em diversas entrevistas citadas pelo site "NME", Morrissey afirma que "veganos são seres superiores", que a palavra racismo "não significa nada" e que Kevin Spacey — ator americano acusado de abuso sexual — "foi atacado sem necessidade".

“Alguém perguntou em nosso site se eu faço comentários políticos entre as músicas e, se eu sou mesmo o falso Morrissey, se eu também tenho as mesmas visões que ele”, conta Turner para o site de notícias “Manchester Evening News”. Segundo ele, “não vale a pena responder a esses tipos de comentários, pois eles apenas servem para dar combustível ao fogo”.

Para Turner, a repercussão dos posicionamentos de Morrissey não pode distrair as pessoas do verdadeiro propósito da The Smiths Ltd. “Para nós, como banda tributo, é tudo sobre colocar a música em primeiro lugar e celebrar a arte de The Smiths”, ele diz.

Morrissey traz ao Brasil a turnê do álbum "Low In High School", o décimo primeiro de sua carreira solo, com shows nos dias 30 de novembro, no Rio de Janeiro, e 2 de dezembro, em São Paulo.

Confira a performance de “Heaven Knows I’m Miserable Now” pelos Smiths Ltd:

Publicidade

Tags relacionadas:
EntretenimentoRockSósia
Background

Relacionados

Canais Especiais