Tipo Importação: Músicas tradicionais mantêm viva a história da República Tcheca
Especial

Tipo Importação: Músicas tradicionais mantêm viva a história da República Tcheca

As fronteiras da República Tcheca explicam muito sobre o que se consolidou como suas músicas tradicionais. Quando olhamos a oeste, nos deparamos com a Boêmia, região do Império Austro-Húngaro que, depois da Segunda Guerra Mundial, foi dividida entre Alemanha e a hoje República Tcheca; de lá vêm os primeiros registros artísticos do país, datados de mais de mil anos.

Viramos o olhar para o leste e, indo até a fronteira entre a Eslováquia e a Ucrânia, encontramos a outra parte da música ancestral tcheca: o som tradicional da Morávia, hoje porção oriental da República Tcheca. Ele foi moldado em conjunto com os artistas ucranianos que viviam para lá e para cá nos idos de 1200. Vale lembrar que, até 31 de dezembro de 1992, a República Tcheca e a Eslováquia formavam um único país, a Tchecoslováquia.

Gaita-de-fole e cordas variadas: a música tradicional tcheca da Boêmia

Tocada desde sempre por bandas numerosas, a música tradicional tcheca da região da Boêmia precisa de gaita-de-fole, um violino forte e vários instrumentos de corda para ser feita. As composições mais antigas tinham temas religiosos, como “Jezu Kriste, ščedrý kněže” (em português, “Jesus Cristo, Príncipe Generoso”). Mas, com o desenvolvimento das cidades e a Reforma Protestante, as canções passaram a ser também apenas instrumentais ou com temas laicos nas letras.

Existem muitos registros escritos da música tcheca boêmia antiga, mas gravações são raras e ficam restritas às bibliotecas do país, normalmente com acesso apenas para pesquisadores. Isso não impede que gente jovem queira levá-la adiante: a banda Bohemian Bards estuda, compõe e apresenta suas composições baseadas nos registros históricos, mantendo a chama desse som acesa. Ouve só:

Contrabaixo, violino e clarinete: a música tradicional tcheca da Morávia

Já a música tradicional tcheca feita na Morávia é mais clássica, com cara de orquestra mesmo. Ela também precisa de um grande número de músicos para ser executada.

Infelizmente, não há uma banda como a Bohemian Bards fazendo esse som atualmente, mas há registros que conseguimos encontrar com mais facilidade. Você pode ouvir uma bela amostra aqui:

Polca boêmia: a música tradicional tcheca em forma na dança

Da clássica à contemporânea, música boa inspira as pessoas a dançarem. É assim com nosso samba e com o rock sem fronteiras, e não seria diferente com a música tradicional da República Tcheca.

A vertente cujas coreografias ganharam mais notoriedade e que tem dançarinos tradicionalistas dedicados a ela até hoje é a da Boêmia — mais especificamente a polca boêmia. Quando aparecem grupos tchecos em festivais de folclore pelo mundo, é esta versão a apresentada.

Há grupos infantis, juvenis — como o do vídeo acima — e adultos. Quem disse que música com carinha de clássica é só para os mais velhos?

* Tipo Importação é um especial que, todo mês, vai apresentar o melhor da música de países não tão visados pelos brasileiros. Neste mês apresentaremos ritmos e artistas da República Tcheca.

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest