Tudo Tanto: Saiba mais sobre o terceiro disco do BaianaSystem
Especial

Tudo Tanto: Saiba mais sobre o terceiro disco do BaianaSystem

Publicidade

O novo disco do BaianaSystem ainda não tem título nem capa, mas já tem data de lançamento agendada: 2 de fevereiro de 2019. A data é histórica por dois motivos, o mais conhecido deles é o dia de Iemanjá, orixá dos mares e padroeira dos pescadores, dona de uma tradicional festa baiana que reúne multidões na praia do Rio Vermelho, em Salvador. O outro, menos conhecido, é o aniversário do primeiro show da própria banda, realizado numa festa de Iemanjá em 2009, marcando a comemoração de dez anos do grupo.

VIDEOGAME: 18 músicas que você descobriu jogando 'FIFA'

TUDO TANTO: Karol Conká e Boss in Drama traduzem dance music e hip-hop em música pop perfeita

E, apesar de optar por não lançar singles, mostrando o disco inteiro de uma vez só, Russo Passapusso e companhia já começaram a se mexer: eles fazem sua primeira apresentação ao vivo de 2019 na próxima segunda-feira, dia 7, na Ilha de Itaparica. Esta data também é histórica por outros motivos: foi quando começou a Batalha de Itaparica, em 1822, que fez soldados brasileiros lutarem contra portugueses, e tornou a ilha independente da coroa naquele mesmo ano. Este movimento seguiu-se pela Bahia e, no dia 2 de julho, o estado proclamou a sua independência, resultando, finalmente, numa data ainda mais reconhecida, quando Dom Pedro, filho do imperador Dom João VI, proclama a independência do Brasil, no dia 7 de setembro daquele ano. 

Primeira imagem promocional do terceiro disco do BaianaSystem, ainda sem nome / Filipe Cartaxo/Divulgação
Primeira imagem promocional do terceiro disco do BaianaSystem, ainda sem nome / Filipe Cartaxo/Divulgação

O novo disco, sucessor do aclamado “Duas Cidades”, lançado em 2016, aproveita esta conjuntura para reestruturar tudo. “É um disco que tem muito a ver com a nossa ancestralidade, com as nossas raízes, com os elementos da natureza”, conta ao Reverb o guitarrista Roberto Barreto. “A gente teve que abrir um pouco o olhar, tirar um pouco da coisa mais urbana do ‘Duas Cidades’, e esse disco tem muito a ver com a Ilha de Itaparica, que é um lugar que nos inspirou muito e serviu muito de referência, não só na parte musical, mas também como um entendimento da formação do povo e da importância que Itaparica e o Recôncavo têm para a Bahia. É um disco que tem um ritmo um pouco diferente, muito fincado em nossas raízes”.

É um disco que tem um ritmo um pouco diferente, muito fincado em nossas raízes

Pude ouvir algumas faixas e é fato: a linguagem orgânica se sobrepõe à eletrônica, que praticamente desaparece do contexto. O aspecto litorâneo do disco vai além da praia e singra rumo o alto-mar, retraçando as conexões do Atlântico negro que integra a Bahia ao Caribe e à África, com percussões melódicas, cantos de apoio, guitarras dedilhadas e vibe ensolarada, mas sem perder as preocupações de sempre. “No tempo que a pedra lascada fazia o papel de bala de metal, não tem diferença entre o homem moderno e o de Neanderthal", canta o vocalista Russo Passapusso na cirandeira “Bola de Cristal”, que emenda que “o passado já passou, o futuro ninguém vê, o presente é você” e “não tá na TV nem dá pra prever o que vai acontecer”.

PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS DE MANU CHAO E BNEGÃO

O clima de verão que perpassa o disco esquenta com presenças de alto calibre, desde os compadres BNegão (que surge como uma entidade funk no final de um forró-reggae “Salve”)  e Curumin (que conduz suave o reggae “Solar”, que ainda conta com a participação do MC alienígena Edgar) até ícones da música baiana como a célebre dupla Antônio Carlos e Jocafi, além do maior tocador de berimbau do mundo, o Mestre Lourimbau. A lista de convidados ainda conta com a presença improvável e bem-vinda de Manu Chao, que gravou sua participação como um ragga a partir de Barcelona na irresistível “Sulamericano”. Isso abre possibilidades surpreendentes de um show reunindo estes dois ícones da cultura latina — imagina um show do BaianaSystem com Manu Chao!

E isso é só o começo do que vem por aí em 2019. Se segura que o ano promete! Feliz ano novo pra gente!

Publicidade

Relacionados

Canais Especiais

Ícone do FacebookÍcone do TwitterÍcone do InstagramÍcone do YoutubeÍcone do DeezerÍcone do SpotifyÍcone do Pinterest